Uma cidade não precisa crescer de forma exagerada, destruir seu meio ambiente, ocupar todo o seu espaço com concreto e asfalto para ser uma cidade moderna , desenvolvida e onde a sua população desfrute de boa qualidade de vida.

Uma cidade moderna não pode repetir os erros das megacidades do mundo que hoje sofrem com a poluição, o lixo, a falta de áreas verdes e onde grande parte da população está vivendo de forma insalubre, estressada com o trânsito congestionado, ônibus e trens lotados, sistemas de saúde e educação sucateados.

Numa cidade moderna os administradores e a população em conjunto discutem o que precisa ser realizado, porque assim todos se sentem conectados com a cidade.

Uma cidade moderna é uma cidade acolhedora e educadora, onde através dos diferentes meios como escolas, centros recreativos, espaços culturais, jornais, revistas e meios audiovisuais, procura-se incentivar que as pessoas conheçam a cidade onde moram, o território que ocupam.

Uma cidade moderna investe na cultura e na informação para que as pessoas se sintam pertencentes ao lugar que habitam e assim assumam a responsabilidade de cuidar e defender esse espaço para que ele seja ocupado de forma sustentável, sem agredir as pessoas e a natureza.

Uma cidade moderna é uma cidade aberta, onde a administração municipal, os donos de empresas e a população em geral, pensam, discutem e elaboram a organização e ocupação do espaço e controlam o crescimento da cidade e a melhoria do atendimento das demandas nas mais diferentes áreas como educação, saúde, cultura, com o objetivo voltado para o bem estar das pessoas.

Numa cidade moderna a população tem acesso às novidades tecnológicas para mudar as formas de trabalho e a forma de se comunicar e compartilhar informações entre os moradores das diferentes vilas, comunidades e a administração municipal, conversandoe buscando soluções em conjunto sobre problemas em determinada área ou lugar da cidade. Nessa forma de cooperação muito mais pessoas podem participar para melhorar os locais onde moram e a administração pode receber sugestões e projetos sem ter que pagar por isso.

A realidade de hoje e da cidade moderna é a comunicação instantânea e os administradores da cidade precisam estar atentos para o que a população de um determinado bairro ou da cidade toda está pensando e comunicando no momento e colocar-se a serviço no atendimento das reinvindicações de forma quase instantânea também.

Numa cidade moderna não tem tempo para enrolação, para manipulação de licitações, para desvio de verbas em obras superfaturadas porque nessa cidade os diferentes secretários, em alguns casos terão que agir sem esperar a opinião do governador ou prefeito porque a população sabe o que precisa ser feito e mostra os caminhos para a solução dos problemas ou execução de uma obra ou atendimento de uma demanda na área de saúde, educação, cultura, esporte, lazer, etc.

Mas para que o sonho de uma cidade moderna se concretize há ainda uma enorme lacuna a ser suprida, que é o de levar as crianças, os jovens e os adultos a conhecer o lugar onde moram. Conhecer a cidade, seus indicadores econômicos, sua dinâmica, porque hoje infelizmente, um grande número de pessoas que mora nas cidades, não conhece a sua cidade. Conhece apenas os trajetos que costuma fazer todos os dias para ir ao trabalho, ao estudo, a alguns espaços sociais ou de lazer.

Para que uma cidade moderna e focada nas pessoas e no cuidado com a natureza seja possível é preciso ainda de muita mudança mental e vontade política. A maioria dos governantes e da população em geral, não estão preparados para novas formas de governar e conviver nas cidades.

Mas é importante pensar e sonhar com umnova estrutura política, social e de organização espacial de nossas cidades, pois dos sonhos podem surgir sementes inovadoras de vida urbana.