Carga Máxima: Ação e Velocidade no Autódromo de Pinhais

12 out, 2023

Produção da Netflix traz adrenalina e desafios nas pistas de Formula Truck

Quem diria que a alta velocidade e a adrenalina das corridas de Formula Truck chegariam às telas do cinema em uma produção nacional? “Carga Máxima”, o mais recente lançamento da Netflix, faz exatamente isso. Com uma trama que envolve corridas, drama e ação, o filme promete competir com produções estrangeiras e oferecer ao público brasileiro uma experiência empolgante nas telonas.

carga maxima autodromo de pinhais
Carga Máxima: Ação e Velocidade no Autódromo de Pinhais 3

O longa-metragem, dirigido por Tomás Portella, conta com um elenco estelar, incluindo Thiago Martins, Sheron Menezzes e Milhem Cortaz nos papéis principais. A história gira em torno de Roger, interpretado por Thiago Martins, um piloto de Formula Truck cuja equipe enfrenta dificuldades nas pistas. A trama se desenrola com Roger perdendo uma corrida para sua ex-namorada, Bárbara, vivida por Sheron Menezzes, e lidando com a perda de seu pai. Para sustentar sua família, ele acaba se envolvendo em um perigoso esquema de tráfico de cargas liderado por Fumaça, interpretado por Milhem Cortaz.

Roger é um personagem complexo, que, nas palavras de Thiago Martins, transita entre “ventania, furacão e calmaria”. Ele precisa abandonar sua juventude e irresponsabilidade para se tornar um pai de família, uma jornada que o ator descreve como desafiadora e empolgante. “Carga Máxima” oferece a Martins a oportunidade de explorar um mundo totalmente novo, desde aprender sobre mecânica até dirigir um caminhão com carreta.

Milhem Cortaz, no papel de Fumaça, é o grande antagonista da história. Um ex-traficante do Rio de Janeiro que encontra em São Paulo o cenário perfeito para suas atividades ilícitas, Fumaça é um personagem intrigante. Cortaz ressalta que, embora ele seja um vilão na trama, Fumaça é alguém que age com a convicção de que suas ações são necessárias. Ele não é o típico chefe do tráfico e vive com os confortos de sua escolha, uma favela em São Paulo, onde se sente protegido e à vontade.

As cenas de ação do filme foram gravadas em várias localidades, incluindo o Rodoanel de São Paulo, o Autódromo de Pinhais e estradas de cidades do interior de SP. A produção contou com a ajuda de dublês de cinema, pilotos de corrida profissional e caminhoneiros experientes para garantir a autenticidade das cenas de corrida e perseguição.

image
Carga Máxima: Ação e Velocidade no Autódromo de Pinhais 4

Uma inovação notável no filme é o uso do que a produção chama de “trucktana”. Trata-se de um veículo adaptado a partir de uma Dodge Ranger, desmontada e equipada com cabines de caminhão cenográficas. Os atores podem atuar dentro dessas cabines sem precisar dirigir o veículo. Embaixo, outro piloto comanda o caminhão em alta velocidade, criando cenas emocionantes e repletas de ação.

“Carga Máxima” estreou na Netflix no dia 27 de setembro e busca firmar seu lugar entre os grandes filmes de ação nacionais. Com uma trama envolvente, atuações brilhantes e cenas de corrida emocionantes, este é um filme que vale a pena conferir para os amantes de velocidade e ação. A produção nacional mostra que é possível competir com as produções estrangeiras quando se trata de entretenimento eletrizante.

O Fim do Autódromo de Pinhais

Após mais de meio século de história e tradição no esporte a motor brasileiro, o Autódromo Internacional de Curitiba, localizado em Pinhais, fechou as portas após 31 de dezembro de 2021. O que outrora foi palco de competições emocionantes e eventos automobilísticos de grande destaque dará lugar a uma nova fase de desenvolvimento: uma área residencial, comercial, de serviços e lazer.

O Autódromo Internacional de Curitiba foi fundado em 1967 e ao longo de sua história, foi palco de uma ampla gama de campeonatos e competições de automobilismo de grande importância para o Brasil. Embora tenha enfrentado a ameaça de fechamento em 2016, uma situação que foi revertida com a entrada de novos investidores na época, agora a decisão parece irreversível.

A notícia do fechamento do autódromo gerou grande comoção entre os entusiastas do esporte a motor e amantes de automobilismo. Como resultado, está programado um protesto em frente à prefeitura de Pinhais na próxima quinta-feira, com o intuito de pedir a intervenção do poder público. A administração municipal, no entanto, destacou que se trata de uma propriedade privada e, portanto, a decisão sobre o uso do terreno não está sob sua alçada. Em uma nota oficial, a prefeitura ressaltou a importância da mudança planejada.

As obras para a transformação do autódromo em uma área residencial, comercial, de serviços com previsão de conclusão até 2031. Essa mudança marca o fim de uma era para o automobilismo em Curitiba, mas também abre portas para um novo desenvolvimento urbano na região, oferecendo oportunidades para uma variedade de atividades e comércios.

Veja o filme na Netflix

Se for usar a matéria como referência, dê crédito ao Mais Pinhais

0 comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

<a href="https://maispinhais.com.br/author/maispinhais/" target="_self">maispinhais</a>

maispinhais

O Portal mais Pinhais foi criado em 2009 com o intuído de informar, mas fugindo da imprensa tradicional local, que visa muito as notícias negativas. O Mais Pinhais tem como “lei” não vincular nada de negativo.