Evento promovido pela Prefeitura Municipal com o apoio de diversas instituições antecipou as comemorações ao Dia da Independência

Prefeitura de Pinhais

Já virou tradição! Em Pinhais, todo mundo já sabe que no primeiro sábado de setembro tem “Desfile Cívico e Militar”. E a cada ano, a Prefeitura junto com seus colaboradores consegue surpreender ainda mais quem chega à Avenida Camilo Dilelis para apreciar esse momento de patriotismo.

Ao todo, 117 alas formadas por cerca de quatro mil pessoas, passaram pela Avenida. Aliás, uma avenida muito bem preparada, toda pintada com detalhes da bandeira do Brasil. Um trabalho feito com muito empenho pela Prefeitura e que embelezou ainda mais o desfile.

Todas as escolas municipais se apresentaram com suas fanfarras, assim como os colégios estaduais. Já os servidores representaram os mais diversos serviços oferecidos na cidade, seja na caracterização de personagens ou com os maquinários que são utilizados no dia a dia. Para a prefeita Marli Paulo, esse momento retrata a satisfação da comunidade de Pinhais em saudar o seu país e a sua cidade. “Num dia nublado como esse vermos a nossa avenida tão linda, repleta de pessoas que admiram e respeitam esse ato cívico é um orgulho imenso, resultado do belo trabalho coordenado pela Prefeitura com a participação de muita gente”, salientou a prefeita.

Também foi essencial para o evento a participação de várias entidades de Pinhais e de outras cidades, que ajudaram a enriquecer a diversidade de temas representados. Aliás, o tema principal é a Independência do Brasil, e é por isso que o desfile militar foi o momento mais esperado. Pelotões do exército, polícia militar, bombeiros e guarda municipal levaram para Camilo di Lellis disciplina, organização e é claro: muito patriotismo.

Ao fim, as autoridades presentes no ato puderam testemunhar um dos maiores desfiles em alusão à independência do Brasil realizado em Pinhais. Segundo os organizadores mais de sete mil pessoas estiveram acompanhando essa linda festa cívica.

O Portal mais Pinhais foi criado em 2009 com o intuído de informar, mas fugindo da imprensa tradicional local, que visa muito as notícias negativas. O Mais Pinhais tem como “lei” não vincular nada de negativo.

%d blogueiros gostam disto: