Educação e Transformação digital: Veja 5 tendências para o setor

12 jan, 2022

Escolas mais conectadas, ensino a distância, aprendizado personalizado e novos desafios para professores, foram algumas das tendências da transformação digital na educação.

Prefeitura de Pinhais vai investir R$ 24 milhões na construção de duas novas escolas.

Contudo, essa tendência vem fortalecendo o país diariamente. 

Muitas instituições passaram a apostar em ferramentas inovadoras para que as aulas ficassem mais atraentes, conquistando total atenção dos alunos.

Que tal saber mais sobre o assunto? 

Nesse artigo iremos abordar assuntos relacionados a educação e transformação digital, além do que esperar do setor. 

Confira!

Como será a educação em 2022?

As tendências e previsões para o ensino em 2022 precisam ser definidas com antecedência. 

A pandemia trouxe novos desafios para professores e escolas.

Fazendo com que as dificuldades entre 2020 e 2021 se tornem base para um trabalho pedagógico cada vez melhor.

Em 2022, as novas tecnologias continuarão fazendo parte de todo cenário educacional, principalmente com a implantação do Novo Ensino Médio.

Com o novo sistema, em 2022 será oferecido apenas o 1º ano do ensino médio, sendo expandido para o 2° ano em 2023, e alcançando todas as séries apenas em 2024. 

Certamente não será uma mudança fácil.

Educação e transformação digital: como a tecnologia ajuda

A tecnologia age diretamente na retenção dos alunos por mais tempo, disponibilizando o desenvolvimento de várias habilidades relevantes para o convívio em sociedade.

Contudo, possibilita o professor conhecer melhor cada aluno e assim, oferecer sempre o melhor. 

A tecnologia veio para proporcionar cada vez mais experiências de aprendizagem que passam a atender diferentes necessidades e ritmos. 

Pandemia acelerou a transformação digital na educação

Uma coisa é certa, a pendemia trouxe uma série de mudanças em toda a sociedade.

Comércios e escolas tiveram seus funcionamentos presenciais interrompidos.

Por outro lado, houve uma aceleração da transformação digital em todos os segmentos.

A ideia é que o cenário pós-pandemia apresente mudanças definitivas para a educação.

Com tecnologias avançadas e adequadas, para que todos tenham o direito de conteúdos e metodologias mais atraentes.

Futuro da educação e suas projeções

No futuro a educação será personalizada e híbrida. 

Computadores e tablets estão cada vez mais presentes na vida de alunos e professores, deixando as lousas e apostilas de lado. 

Estima-se que até 2030, a maior parte do ensino será personalizada, acompanhando o ritmo e os interesses de cada aluno.

Outra mudança acontece com os currículos, já em tempos atuais o currículo lattes tem sido bem aceito, e com toda certeza vai continuar. 

Essa estratégia pode te aproximar dos seus objetivos para a carreira, por ser uma ferramenta essencial, para quem quer conquistar uma oportunidade de trabalho acadêmico.

5 tendências da educação e transformação digital

Vivemos em uma sociedade conectada, onde crianças e adolescentes contam com livre acesso a internet e dispositivos eletrônicos.

Fazendo com que o domínio das telas ocorra antes mesmo da comunicação verbal.

São tantas as tecnologias que sem dúvidas estarão presentes no futuro da educação. 

Confira algumas:

#1 Personalização do ensino

Considera as particularidades de cada aluno incluindo seus interesses, conhecimentos prévios e culturas, a fim de estabelecer a melhor forma de ensinar. 

Permite que os professores identifiquem as necessidades de cada um.

Veja também: Comunidade escolar escolheu os novos diretores das escolas e Cmeis de Pinhais.

#2 Educação 5.0

A educação 5.0 é voltada ao protagonismo social onde estimula a integração cada vez maior entre seres humanos e a tecnologia. 

Diferente da educação 4.0 que consiste na utilização da tecnologia de formas mais produtivas.

#3 Curso de extensão com curta duração

Um curso de extensão ou um curso online  são maneiras de conquistar formações acadêmicas, técnicas ou culturais em menos tempo, servem como um complemento da graduação.

Os conteúdos são específicos, a carga horária reduzida e um ensino mais objetivo com a junção de teoria e prática.

#4 Ensino híbrido

Trata-se de uma abordagem onde o aluno aprende uma parte em ambiente online, porém em tempo real.

E a outra parte com encontros presenciais frente a frente com o professor e em sua maioria dentro da escola. 

Essa modalidade existia nos modelos semi-presenciais e ganhou força com a chegada da pandemia.

#5 Ferramentas digitais

Esses recursos digitais, possibilitam a utilização de tecnologias com o objetivo de sempre facilitar a comunicação e o acesso à informação.

Por meio de dispositivos eletrônicos para as aulas EAD, sendo em sua maioria tablets, computadores e smartphones. 

A transformação digital na educação vem para permitir ter os alunos por mais tempo, aumentando a sua evolução e habilidades dentro do convívio social. 

As escolas serão mais valorizadas, tornando o ambiente uma referência.
Para saber esse e outros assuntos em primeira mão, acesse o Mais Pinhais.

Boa leitura!

Paula Moraes

Redatora freelancer, estudante de marketing digital, amante da comunicação, focada na produção de conteúdos relevantes!

0 comentários

Deixe uma resposta




%d blogueiros gostam disto: