Iniciada em Pinhais a vacinação contra a Covid-19 para crianças entre 5 e 11 anos

18 jan, 2022

Devido à quantidade de doses recebidas, neste primeiro momento são vacinadas crianças com deficiência ou comorbidades, mediante agendamento prévio

A Unidade de Saúde da Mulher e da Criança, no bairro Weissópolis, foi o local escolhido para realizar a vacinação contra a Covid-19 no público infantil, com idade entre 5 e 11 anos. Devido à quantidade de doses recebidas, neste primeiro momento são aplicadas a vacina em crianças com deficiência ou comorbidades, mediante agendamento prévio.

Em Pinhais a imunização iniciou na manhã desta terça-feira (18) e Paulo Ricardo Costa Fernandes da Silva, 9 anos, foi a primeira criança que recebeu a vacina. “Estava esperando há tempo receber a minha dose e estou muito feliz por este dia ter chegado”, comemorou. Seu pai, João Paulo Fernandes da Silva, acrescentou que, além da alegria em ver seu filho imunizado, destacou seu desejo de que todas as crianças também sejam.

A prefeita de Pinhais, Marli Paulino, esteve na Unidade para acompanhar os primeiros vacinados e destacou sua felicidade neste momento. “A vacina trouxe muita esperança para todos nós. A procura da nossa população foi grande, isso ajudou a diminuir os casos graves da Covid-19 em nossa cidade. E hoje damos um grande passo na imunização em Pinhais ao vacinar as nossas crianças. Queremos avançar ainda mais e sempre é válido lembrar que a vacina salva vidas”.

Também presente no início da ação, a secretária municipal de Saúde, Adriane da Silva Jorge Carvalho, esclarece os ajustes realizados para esta etapa da vacinação. “Em virtude do quantitativo de doses que recebemos, que neste primeiro lote foram 800, precisamos atender este grupo prioritário, mas conforme recebermos mais vacinas vamos avançando na vacinação das nossas crianças”, pontuou. 

Adriane também explicou sobre algumas estratégias que sua Secretaria realiza neste momento da pandemia. “Devido à grande procura pelo atendimento em nossas Unidades, escolhemos somente este local para vacinar as crianças que é para reforçar a proteção a este grupo”, esclareceu.

Edinéia Gonçalves Siqueira, é mãe da Ravena Luiza Gonçalves Siqueira e foi uma das pessoas muito emocionadas em poder vacinar sua filha. “Foram dois anos em casa, sem amigos, sem festa. Agora temos o que a ciência nos oferece que é o direito de recebermos uma vacina, o direito de sair de casa, de poder vacinar. Espero que todas as crianças possam estar imunizadas o mais brevemente para que tenhamos o direito do abraço, para que elas possam retornar à escola e ter seus coleguinhas. Este tempo foi um aprendizado de que somos seres humanos e precisamos dos outros”, declarou.

Comorbidades 
O primeiro grupo a ser atendido na vacinação pediátrica serão crianças com comorbidades descritas na Nota Técnica 02/2022 do Ministério da Saúde, que tenham: obesidade, diabetes tipo 2, asma, doenças cardíacas e pulmonares e doenças neurológicas, distúrbios do desenvolvimento neurológico e doenças neuromusculares.

Link para Agendamento

<a href="https://maispinhais.com.br/author/maispinhais/" target="_self">maispinhais</a>

maispinhais

O Portal mais Pinhais foi criado em 2009 com o intuído de informar, mas fugindo da imprensa tradicional local, que visa muito as notícias negativas. O Mais Pinhais tem como “lei” não vincular nada de negativo.

0 comentários

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: