Olist pretende dobrar equipe em 2020

24 jan, 2020

Com 5 anos, startup revela planos de expansão de equipe nas áreas de vendas, produtos e programação

Olist , startup que oferece soluções para a venda em marketplaces, anuncia que deve contratar até 400 pessoas ao longo de 2020 em diversas áreas – como vendas produto , desenvolvimento e outras – e níveis hierárquicos.

A empresa busca por profissionais que trabalhem com propósito, não tenham medo de pôr a mão na massa e queiram fazer parte da revolução do comércio mundial. Candidatos de São Paulo, Curitiba ou interessados em trabalho remoto de qualquer lugar do Brasil já podem conferir vagas abertas no link .

A startup, que recebeu recentemente uma rodada de investimento Série C de mais de R﹩ 190 milhões liderado pelo SoftBank – maior fundo de venture capital do mundo – começou suas atividades, em 2015, com 5 funcionários e atualmente conta com mais de 350 colaboradores. Neste ano, quer dobrar o tamanho de sua equipe. Apesar da rápida expansão, por meio de ações internas que possibilitam a manutenção de uma cultura organizacional forte, a marca segue prezando pela qualidade de vida, bem-estar, capacitação e engajamento de seus funcionários desde o início da atuação.

Com o potencial de sua equipe e dos serviços oferecidos, o Olist tem, hoje, quase um milhão de produtos cadastrados em sua plataforma e atende mais de 9.000 lojistas e grandes marcas.

A startup, que também já foi investida pela Redpoint eVentures, 500 Startups e Valor Capital Group, está sediada em Curitiba, no Paraná, e atende clientes de todo o Brasil.

Sobre o Olist:

Lançado em 2015, o Olist é uma startup que ajuda varejistas e grandes marcas a venderem mais. A proposta é simples: o lojista cadastra seus produtos de forma rápida na plataforma do Olist e, após revisados, passam a ser vendidos na loja do Olist nos maiores marketplaces do Brasil. Acesse olist.com e saiba mais.

0 comentários

Deixe uma resposta

Mais Pinhais

O Portal mais Pinhais foi criado em 2009 com o intuído de informar, mas fugindo da imprensa tradicional local, que visa muito as notícias negativas. O Mais Pinhais tem como “lei” não vincular nada de negativo.
Suplementos em Pinhais
Suplementos em Pinhais
%d blogueiros gostam disto: