Prefeitura de Pinhais abre segunda Unidade de Acolhimento Institucional para receber adolescentes

24 out, 2022

O acolhimento é destinado para situações de vínculos familiares rompidos ou fragilizados, a fim de garantir proteção integral; recentemente a prefeita Rosa Maria visitou a unidade e esteve reunida com a equipe responsável

Desde o ano de 2016, o município de Pinhais passou a ter uma Unidade de Acolhimento Institucional (UAIP) para atender crianças que necessitam desta medida socioassistencial. Atualmente são 20 crianças e adolescentes assistidos. Desde o mês de agosto, um novo capítulo deste importante serviço foi iniciado com a UAIP II, aberta a fim de atender especificamente os adolescentes, com capacidade para até dez acolhidos por essa política pública. 

O acolhimento pode ocorrer em diferentes tipos de equipamentos, destinado a famílias e/ou indivíduos com vínculos familiares rompidos ou fragilizados, a fim de garantir proteção integral. A instituição está inscrita no Conselho Municipal de Direitos da Criança e Adolescente e no Conselho Municipal da Assistência Social. 

Segundo a gerente da Alta Complexidade, Patrícia Cardoso Garbus, a nova unidade atende a crescente demanda vivenciada no município. “Percebeu-se a necessidade da abertura de mais uma unidade de acolhimento, sendo assim desde 1º de agosto deste ano, a UAIP II passou a funcionar”, complementa a gerente. 

A equipe é composta por uma coordenadora, uma assistente social, uma estagiária de Serviço Social, educadores sociais, um auxiliar administrativo, uma profissional responsável pelo planejamento e logística, além de equipe de apoio em serviços gerais e cozinha.

Além de atender a rotina educacional e proporcionar o acesso a serviços de fortalecimento de vínculos, serviços da saúde e encaminhamentos para capacitação profissional e mercado de trabalho, a UAIP II propõe o desenvolvimento de projetos tais como: Apoio Pedagógico, Práticas Sustentáveis, Assembleias de discussão e Álbum pessoal, e ainda visa propor algumas atividades, como por exemplo: Gastronomia Cultural, Cinema em casa, Mural de Expressão e Desenvolvimento de Horta. Para a realização de algumas atividades a equipe da UAIP II estabeleceu parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e Rotary Clube de Pinhais.

O serviço de acolhimento atende ao exposto na Resolução nº 109 de 11 de novembro de 2009 aprovada pelo Conselho Nacional de Assistência Social. A prestação deste serviço está sob a responsabilidade da Gerência da Alta Complexidade que faz parte do Departamento de Proteção Social Especial, da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas).

Atualmente, além da gerente Patrícia Cardoso Garbus, a equipe responsável por este serviço é composta pela diretora do Departamento de Proteção Social Especial, Micheli Cristina Strapasson Ribeiro; a coordenadora da UAIP II, Solange Maria Rodrigues Leite e a assistente Social da UAIP II, Karin Rejane Pichelli. 

Visita à nova unidade

No início deste mês, a prefeita de Pinhais, Rosa Maria e a secretária de Assistência Social, Rosangela Batista, visitaram a Uaip II e estiveram reunidas com a equipe responsável para deliberar sobre as atividades e direcionamentos pertinentes ao equipamento. 

“O serviço da UAIP II é de extrema importância para a proteção, o acolhimento e também para a reconstituição de vínculos familiares, além da reinserção desses adolescentes no mercado, com a preparação através da escola e cursos profissionalizantes. Considero um serviço essencial para o atendimento e preparação para o futuro desses meninos e meninas”, declarou a prefeita Rosa Maria. 

A secretária da Semas, Rosangela Batista,  destaca a abordagem trabalhada com os adolescentes acolhidos. “A nova unidade de acolhimento no município foi implementada para atendermos com maior propriedade os nossos adolescentes, trabalhando com um olhar na essência de cada um, cuidando e construindo em conjunto questões ambientais de cidadania e de sociedade”, finaliza a gestora. 

0 comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

<a href="https://maispinhais.com.br/author/maispinhais/" target="_self">maispinhais</a>

maispinhais

O Portal mais Pinhais foi criado em 2009 com o intuído de informar, mas fugindo da imprensa tradicional local, que visa muito as notícias negativas. O Mais Pinhais tem como “lei” não vincular nada de negativo.