Proposto pela Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), o evento promoveu importantes discussões e intercâmbio entre profissionais da área

Seminário Internacional de Educação

Com a temática “A Inovação e a Reconstrução da Aprendizagem: em busca da superação dos desafios num contexto de mudanças”, Pinhais realizou a oitava edição do Seminário Internacional de Educação, entre os dias 15 e 17 de agosto. Proposto pela Secretaria Municipal de Educação de Pinhais (Semed), em parceria com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), o evento reuniu participantes do município e de outras cidades do Paraná e de diferentes estados.

Com a promoção de importantes discussões e intercâmbio entre profissionais da área educacional, o evento já se tornou uma referência e envolveu, principalmente, educadores da educação básica, profissionais do ensino superior, pesquisadores e acadêmicos de graduação e pós-graduação. Também contou com a participação de palestrantes brasileiros e de Portugal.

A secretária Municipal de Educação, Andrea Franceschini, falou sobre a importância das parcerias para a concretização de ações como esta. “A parceria com a UTFPR é fundamental, ter a Universidade próxima do dia a dia das escolas e dos cmeis, pois nos traz um conhecimento e uma segurança muito grande. Agradeço a Comissão Organizadora, formada por profissionais da rede municipal de ensino, que já no ano anterior formula o próximo seminário. Agradecemos a todos os demais envolvidos, como dos que inscreveram seus projetos e artigos. Para nós esta integração é fundamental”, afirmou a secretária.

A prefeita de Pinhais, Marli Paulino, falou sobre o trabalho realizado pela equipe de Pinhais. “Nós temos um carinho muito grande pela educação. Agradeço e parabenizo toda equipe da Semed que organiza este grande evento e não mede esforços em tudo que realiza. Temos o retorno positivo da comunidade sobre o atendimento que as crianças recebem nas unidades de ensino e sabemos que estes profissionais fazem um ótimo trabalho”, destaca a prefeita.

“Estou muito feliz por estar aqui. Que bom ver a universidade falando com a educação básica, também é com alegria que vejo tantos profissionais reunidos. Os desafios são todos os dias, mas também temos conquistas. A educação não é para qualquer um, são pessoas preciosas que entram neste barco porque fazem acontecer de verdade. É importantíssima a discussão que este Seminário propõe”, declarou a secretária de Estado da Educação, Lucia Aparecida Cortez Martins.

Também fizeram parte da mesa de abertura do evento, a vice-prefeita de Pinhais, Rosa Maria; representando a Câmara Municipal de Pinhais, a vereadora Professora Cinéia; e o diretor geral da Universidade Tecnólogica Federal do Paraná – Campus Curitiba, Marcos Flávio de Oliveira Schiefler Filho.

A última palestra do evento foi ministrada por Fabiano Brum, com o tema: “Profissão educador – desafios, habilidades e atitudes para o sucesso”. O palestrante utiliza a música como principal recurso de abordagem. “A proposta é falar de uma forma bem dinâmica e participativa sobre os desafios que o profissional que atua na educação vem enfrentando e continuará a enfrentar com relação a ter um bom desempenho em sala de aula e criar essa aprendizagem com os alunos. Para isso, utilizamos a música em alguns momentos da palestra, músicas famosas, do cotidiano das pessoas, como também conceitos musicais, porque penso que a música é uma excelente forma de comunicação e faz parte da nossa vida desde que somos bem pequenos, ainda na barriga a mãe canta para a criança sobre o quanto ela é amada e bem-vinda. E nós vivemos uma era de mudanças, portanto precisamos buscar aperfeiçoamento contínuo, pois o profissional da educação é esse que lida constantemente com as inovações”, afirmou o palestrante.

O Seminário também contou com apresentações culturais da Escola de Dança, iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer; e das alunas da Escola Municipal Poty Lazzarotto e dos alunos do Projeto Coral Música Viva.

O Portal mais Pinhais foi criado em 2009 com o intuído de informar, mas fugindo da imprensa tradicional local, que visa muito as notícias negativas. O Mais Pinhais tem como “lei” não vincular nada de negativo.

%d blogueiros gostam disto: